Conselho Estadual de Cultura aprova eleição virtual para escolha de novo colegiado

14:07 h

Mudanças nas regras das eleições visa aumentar representatividade das pessoas ligadas ao setor.

O Conselho Estadual de Cultura (CEC) aprovou, na tarde dessa quinta-feira (06), a proposta de eleição virtual para o processo de escolha do novo colegiado para o biênio 2019-2020. Estão aptos a votar as pessoas físicas e jurídicas, rpreviamente cadastradas no site Mapa Cultural ES, cuja atuação tenha ligação com as áreas da Cultura abrangidas pela correspondente Câmara do CEC. É a primeira vez o formato será utilizado desde a reorganização do Conselho, em 2008

Para o secretário de Estado da Cultura, Fabricio Noronha, o novo formato do Conselho amplia a representatividade: “Foi muito importante essa decisão. Essa minuta foi discutida ponto a ponto pelos conselheiros, pois a eleição virtual possibilita uma ampla participação democrática das pessoas ligadas aos fazeres culturais e linguagens neste processo”, destacou.

A proposta de votação foi formulada por um grupo de trabalho formado pelo subsecretário de Estado de Gestão Administrativa, Pedro Sobrino Porto Virgolino, e os representante da Câmara de Artes Musicais, Tarcísio Santório, e da Procuradoria-Geral do Estado (PGE), Luciana Marques de Abreu Júdice, durante a reunião ordinária ocorrida em março.

Outros assuntos

A reunião ordinária desta quinta tratou ainda dos informes sobre o andamento de análise e deliberação dos pareceres da Câmara de Patrimônio Arquitetônico, Bens Móveis e Acervos, além de apontamentos do Projeto Gabinete Itinerante da Cultura, informativo sobre o Fórum Nacional de Secretários e Dirigentes Estaduais de Cultura, avaliação dos 10 anos dos Editais do Funcultura e a participação popular através do microfone aberto.

A próxima reunião ordinária do Conselho Estadual de Cultura está marcada para o dia 4 de julho, às 14 horas, no Auditório da Biblioteca Pública do Espírito Santo, em Vitória.

Conselho Estadual de Cultura

Dialogar, contribuir e integrar a sociedade nas melhorias das ações de política cultural do Estado são algumas das atividades do Conselho Estadual de Cultura (CEC), órgão consultivo vinculado desde 1967 à Secretaria de Estado da Cultura (Secult). O CEC tem a função de propor, por meio de atos e resoluções, o aprimoramento de atividades em diferentes áreas culturais no Estado.

Constituído por representantes da sociedade civil, governamentais, regionais e de áreas técnicas, o Conselho contempla os diversos setores artístico-culturais. Os membros e conselheiros fazem parte de 20 Câmaras de, como: Artes Cênicas; Artes Visuais; Música, Audiovisual; Literatura, Patrimônio Arquitetônico, Bens Móveis e Acervos e Patrimônio Ecológico, Natural e Paisagístico e Bens Imateriais, por exemplo.

Outro detalhe é a abrangência territorial, tendo em vista que os membros titulares representam os municípios das regiões norte, centro-oeste, sul, Caparaó, serrana e da Grande Vitória.

Esta noticia já foi lida38 vezes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *