Amor materno é ingrediente no preparo das merendas no ES

13:30 h

Ângela é merendeira em uma escola de Vila Velha onde os alunos curtem muito na hora do recreio aquele temperinho de mãe!

Em meio aos ingredientes tradicionais utilizados no preparo dos lanches da escola Estadual Maura Abaurre, em Vila Velha, a merendeira Ângela Maria Ferreira recorre a um tempero especial: o amor aos seus filhos postiços, como chama. Na véspera em que é comemorado o Dia das Mães, ela conta como o verdadeiro sentido da maternidade, que também coloca em prática no dia a dia da vida profissional, traduz em boas receitas.

A rotina dela começa todo dia às 7 horas da manhã, quando chega à escola para preparar o lanche dos alunos do matutino. “Tomo café com as minhas colegas de trabalho e na unidade permaneço durante todo o dia, servindo as refeições que são oferecidas. Procuro interagir com os alunos sempre. Brinco com eles, falando que são meus filhos postiços, oriento a ter cuidado quando tem algo quente, etc. Tento ser carinhosa e atenciosa a todo momento”, relatou emocionada.

Mãe de três filhos e avó de um neto, Tia Ângela, como é chamada pelos alunos da escola onde atua, conta que o amor pelo que faz é tão grande que reflete no carinho de todos ao seu redor. “De vez em quando estou andando pela rua e encontro com um rapaz ou moça que foram alunos da escola e me reconhecem, me cumprimentam. É essa energia boa e mútua que me move”, conta. Que o extinto de mãe: de cuidar, proteger e acolher, utilizado pela merendeira seja exemplo para outras profissionais.

Esta noticia já foi lida114 vezes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *