Ana Hickmann comemora absolvição do Cunhado: A Paz voltou para a nossa casa

A Justiça de Minas Gerais manteve, na tarde desta terça-feira, a absolvição do empresário Gustavo Correa, cunhado de Ana Hickmann. Pelo Instagram, a apresentadora comemorou a decisão dos desembargadores. “Meu Deus, muito obrigada! 3 a 0! Legítima defesa! Mais uma vez a justiça foi feita. Agradeço ao nosso advogado pelo trabalho excepcional, por ter defendido o Gustavo e por ter trazido de volta pra nossa casa a paz”, escreveu.

Gustavo tinha sido absolvido em primeira instância da acusação de matar Rodrigo Augusto de Pádua, que se dizia fã e e planejou atentado contra a apresentadora, em 2016, no Hotel Caesar Business, em Belo Horizonte. O Ministério Público (MPMG) recorreu e a decisão do Tribunal de Justiça saiu nesta tarde.

MMG informatica EAD

Ana já desabafava pelo Instagram desde a noite desta segunda-feira, dizendo viver “um pesadelo sem fim” desde que a história toda começou. “Ele foi herói, salvou a minha vida e da Giovana. Estamos diariamente com traumas, dores, cicatrizes, fantasmas e o sofrimento do meu cunhado por ainda estar sendo acusado de homicídio. Queremos seguir em frente.

Ana Hickamann e o cunhado Gustavo Correa

Queremos um ponto nesta página, porque apagar é impossível… já choramos muito… Foi Deus quem deu coragem ao Gustavo para enfrentar aquele psicopata armado, que atirou contra a minha cabeça, que acabou acertando Giovana. Ele que estava pronto para tirar a vida de todos que estavam naquele quarto… Não somos diferentes de ninguém. Respondemos à Justiça igual a todo mundo. Mas não é possível que alguém que livrou a família de ser morta ainda tenha que passar por isso. Todos devemos ter o direito de defender a própria vida e daqueles que amamos. Deus ilumine o Gustavo e o nosso advogado”, publicou.

Ana Hickmann com Alexandre e Gustavo Correa, marido e cunhado da apresentadora, respectivamente

Após a decisão dos desembargadores, o cunhado da apresentadora falou disse ao G1 que se sentiu aliviado quando ouviu o voto do relator pela absolvição e acredita que o “pesadelo” acabou. “Foram três votos a zero. No meu entendimento de leigo, com tudo que o [advogado] Fernando José Costa tentou me explicar, parece que vai ter fim. Eu vim confiante, mas não vim com o jogo ganho. A gente nunca sabe o que pode acontecer, a gente só pode falar pela nossa cabeça. Mas a gente sentiu um sentimento de alívio muito grande”, disse o empresário.

Correa disse que, após o resultado sair no Tribunal de Justiça, ligou para a família em São Paulo.”Eu falei com meu irmão, com a Ana e com a minha mãe. Todo mundo muito satisfeito com o resultado. Agora é voltar para São Paulo, comemorar e ficar todo mundo junto”.

Costa acredita que, com essa decisão do Tribunal de Justiça, o caso se encerra. “Tendo-se em vista que o Ministério Público aqui hoje, que é um outro procurador, nem realizou a sustentação oral, eu chego até a acreditar que a posição dele talvez não tenha sido a mesma do promotor que realizou o recurso de apelação. (…) Acreditamos que o caso estará juridicamente encerrado porque o sofrimento moral, a saúde isso vai por toda uma vida”, disse.

Com informações Extra Online.

Esta noticia já foi lida462 vezes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *