GP da China: Bottas supera Hamilton e garante a dobradinha da Mercedes na 1.000ª da F1

07:55 h

A Mercedes garantiu a dobradinha para a 1000ª corrida da história da F1, que acontecerá nesse domingo na China. Valtteri Bottas superou seu companheiro de equipe Lewis Hamilton por 0,023s no Q3 chinês e garantiu a pole position para o Grande Prêmio da China. Foi a sétima pole da carreira do finlandês, com a Mercedes garantindo sua segunda dobradinha na temporada 2019 da Fórmula 1, após bloquear a primeira fila para o GP da Austrália.

Depois de garantir a primeira fila no Bahrein, a Ferrari teve que se contentar com a segunda fila na China. Sebastian Vettel superou seu companheiro de equipe, Charles Leclerc, depois que a dupla foi intercalada por Max Verstappen após a primeira tentativa no Q3.

No entanto, Verstappen não melhorou em sua segunda tentativa – diferente do monegasco da Ferrari – depois que foi atrapalhado pelo seu companheiro de Red Bull Pierre Gasly na curva final antes de abrir sua volta rápida.

Apesar de atrapalhar Verstappen no Q3, foi a primeira aparição do francês entre os dez melhores na qualificação. Gasly vai largar ao lado de Verstappen na sexta posição, com a Red Bull bloqueando a terceira fila do grid em Xangai.

Curiosamente a Renault vai largar na quarta fila do grid seguida pela Haas na quinta fila.

Daniel Ricciardo e Nico Hulkenberg travaram uma disputa intensa entre si para serem sétimo e oitavo, respectivamente. O australiano foi apenas quatro milésimos mais rápido que Hulkenberg.

A Toro Rosso teve apenas um de seus carros da qualificação, já que Alexander Albon acertou fortemente as barreiras de proteção durante o TL3 e não participou do classificatório. O tailandês vai largar dos boxes na corrida deste domingo.

O seu companheiro de equipe, Daniil Kvyat, não conseguiu avançar para o Q3 – assim como Sergio Perez (Racing Point) e Kimi Raikkonen (Alfa Romeo), que acusaram perda de potência em suas últimas voltas.

As duas McLaren também foram eliminadas no Q2, com Carlos Sainz superando Lando Norris, que vem de um resultado forte depois da impressionante P6 no Bahrein.

Lance Stroll se juntou as duas Williams na zona de eliminação do Q1, enquanto um problema na unidade de potência impediu Antonio Giovinazzi de cronometrar volta. O italiano deve largar sozinho na última fila do grid, já que Albon vai largar dos boxes.

O Grande Prêmio da China, a 1.000ª corrida da história da Fórmula 1, acontece na madrugada deste domingo às 03h10 (horário de Brasília). A F1Mania estará AO VIVO e em TEMPO REAL com todas as informações da F1 em Xangai.

Confira o grid de largada para o GP da China, a 1000ª corrida da F1:

1) Valtteri Bottas (Mercedes) 1’31.547s
2) Lewis Hamilton (Mercedes) 1’31.570s
3) Sebastian Vettel (Ferrari) 1’31.848s
4) Charles Leclerc (Ferrari) 1’31.865s
5) Max Verstappen (Red Bull/Honda) 1’32.089s
6) Pierre Gasly (Red Bull/Honda) 1’32.930s
7) Daniel Ricciardo (Renault) 1’32.958s
8) Nico Hülkenberg (Renault) 1’32.962s
9) Kevin Magnussen (Haas/Ferrari) -s
10) Romain Grosjean (Haas/Ferrari) -s
11) Daniil Kvyat (Toro Rosso/Honda) 1’33.236s
12) Sergio Pérez (Racing Point/Mercedes) 1’33.299s
13) Kimi Räikkönen (Alfa Romeo/Ferrari) 1’33.419s
14) Carlos Sainz Jr. (McLaren/Renault) 1’33.523s
15) Lando Norris (McLaren/Renault) 1’33.967s
16) Lance Stroll (Racing Point/Mercedes) 1’34.292s
17) George Russell (Williams/Mercedes) 1’35.253s
18) Robert Kubica (Williams/Mercedes) 1’35.281s
19) A.Giovinazzi (Alfa Romeo/Ferrari) sem tempo
20) Alexander Albon (Toro Rosso/Honda) sem tempo

Esta noticia já foi lida59 vezes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *