40 pontos de radares fixos voltam a funcionar no Espírito Santo até o fim do mês

Ao todo, serão investidos R$ 160 milhões para o custeio de 24 contratos em 2019 nas instalações de todo o país

Após determinação do Ministério Público Federal (MPF), expedida no mês de julho, diversos radares fixos nas estradas do Espírito Santo devem voltar a operar até o fim deste mês. Ao todo, serão 40 pontos de fiscalização em quatro rodovias federais que cortam o estado.

De acordo com o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), os locais foram classificados com base no risco de acidentes em cada trecho. Para cumprir o acordo homologado pela Justiça Federal, até o fim do mês de setembro, os equipamentos devem estar funcionando. Em todo país serão instalados 1.140 equipamentos.

No Espírito Santo os 40 pontos de fiscalização serão distribuídos nas cidades de Cariacica, Domingos Martins, Serra, Cachoeiro de Itapemirim e Colatina. Logo após a instalação nesses locais, terá início a colocação dos radares nas áreas rurais com alto índice de acidentes.

Segundo o DNIT, os equipamentos foram contratados por meio de licitação. Ao todo, serão investidos R$ 160 milhões para o custeio de 24 contratos em 2019 nas instalações de todo o país.

Em nota, o Departamento explicou que está cumprindo uma decisão judicial com a adequação da fiscalização. “Há equipamentos cujos projetos estão em fase de aprovação, há outros equipamentos já instalados e há equipamentos instalados e em operação”.

Veja onde serão instalados os 40 pontos de fiscalização

BR-101

BR-101 ___ KM 0.15 / Reta do Aeroporto (Serra/ Vitória)
BR-101 ___ KM 0.25 / Carapina
BR-101___ KM 1.8 / Carapina

BR-259

BR-259___ KM 12 / João Neiva
BR-259___ KM 48.3 / Colatina
BR-259___ KM 49.99 / Colatina
BR-259___KM 58.1 / Colatina
BR-259___ KM 58.5 / Colatina
BR-259___ KM 59.1 / Colatina

BR-262

BR-262___ KM 1.68 / Cariacica
BR-262___KM 1.72 / Cariacica
BR-262___ KM 1.8 / Cariacica
BR-262___Km 2.1 / Cariacica
BR-262___KM 3.9 / Cariacica
BR-262___KM  5.75 / Cariacica
BR-262___KM 5.85 / Cariacica
BR-262___ KM 17 / Viana
BR-262___KM 20 / Viana
BR-262 ___KM 33.95 / Domingos Martins
BR-262___ KM 39.65 / Domingo Martins
BR-262___KM 40.25 / Domingos Martins
BR-262___KM 40.47 / Domingos Martins
BR-262___KM 75 / Domingos Martins
BR-262___KM 95 / Domingos Martins
BR-262___ KM 42.95 / Marechal Floriano
BR-262___KM 55.03 / Marechal Floriano
BR-262___KM 60.6 / Marechal Floriano
BR-262___KM 90.15 / Pedra Azul
BR-262___KM 92.5 / Pedra Azul
BR-262___KM 109.15 / Venda Nova do Imigrante
BR-262___KM 110.42 / Venda Nova do Imigrante
BR-262___KM 150.75 / Ibatiba
BR-262___KM 157.35 / Ibatiba
BR-262___KM 158.6 / Ibatiba
BR-262___KM 159.08 / Ibatiba
BR-262___KM 159.25 / Ibatiba

BR-393

BR-393___KM 0.4 / Cachoeiro
BR-393___KM 1.4 / Cachoeiro
BR-393___KM 2.1 / Cachoeiro
BR-393___ KM 2.6 / cachoeiro

Fonte: Folha Vitória

Esta noticia já foi lida17154 vezes

2 comentários em “40 pontos de radares fixos voltam a funcionar no Espírito Santo até o fim do mês

  • 04/09/2019 às 17:54 em 17:54
    Permalink

    Dinheiro esse que tinha que se investido na saúde, Segurança Pública e Educação.
    E não ficar roubando a população com tantos radares.
    Isso é uma máfia das multas até quando isso, tem que dar um basta nisso.

    Resposta
  • 09/09/2019 às 06:51 em 06:51
    Permalink

    De fato há pontos de risco com tombamento de veículos de grande porte, nesses casos acho que é necessário, porem vê-se que há equipamentos instalados em locais sem necessidade alguma e sem histórico de acidentes, ficando muito claro que o único propósito é tirar dinheiro do contribuinte. Nesses locais, nem ao menos uma sinalização visual adequada é o salada para que os motoristas possam identificar o local do radar, tendo em vista que o real propósito e a identificação do local onde se deve diminuir a velocidade devido ao risco, ao contrário, os equipamentos são instalados em locais escondidos, de difícil visualização ao dia e impossível visualização a noite, deixando evidente que o propósito e “enfiar a mão no bolso do cidadão”. Transforme este gasto desnecessário em investimento nas escolas. Fora senador Contarato!

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *