Jazida de Sal Gema de Conceição da Barra no ES é a maior da América Latina

20:50 h

A jazidra de sal gema pode gerar até 15.000 mil empregos diretos.

O Prefeito de Conceição da Barra, Francisco Vervloet esteve, na última terça-feira (11), em Brasília com importantes agendas para o município, dentre elas, o prefeito esteve com o Senador Marcos do Val, buscando apoio para retomada do processo de exploração da Jazida do mineral Halita mais conhecida como Jazida de Sal Gema existente no sub solo de Conceição da Barra.

Esta jazida foi descoberta e pesquisada pela Petrobras há mais de 40 anos e é considerada a maior Jazida de sal gema da América Latina.

O sal Gema é usada pelas indústrias químicas e alimentícias, na produção de cloro-soda, de barrilha e de cloreto de potássio.

Segundo informações dos Assessores do Senador, Rafael Boudens e Humberto Andrade esta Jazida é a maior da América Latina e com grande potencial de exploração. Ainda segundo este último assessor, a referida exploração chegou a ser licenciada pelos órgãos ambientais Estadual e Federal e também teve o edital para exploração publicado pela PETROBRAS.

Houve um impedimento de ordem política que suspendeu o Edital. A Bancada do Nordeste interferiu na Licitacão da exploração desta Jazida junto ao governo federal à época, dizendo que a viabilidade maior de exploração da Jazida do Espirito Santo iria ser tão grande, que iria inviabilizar a exploração que se realizava no Rio Grande do Norte e portanto, o Edital foi suspenso.

Segundo estudos contratados pela PETROBRAS, existe um mineral de grande qualidade e em volume que permitirá sua exploração por mais de 50 anos, e ainda esta exploração irá provavelmente promover a geração de quase 15 mil empregos diretos e irá recuperar a economia do município de Conceição da Barra e de todo Norte do E. Santo.

Portanto, observa-se total viabilidade técnica e econômica para a Exploração desta Jazida de Sal-gema de Conceição da Barra, apenas a Petrobras suspendeu sua exploração por uma intervenção política à época, e que atualmente pode não ser mais o impeditivo.

Ficou marcado para o próximo mês uma nova agenda para discussão mais profunda do assunto, com a referida assessoria do Senador Marcos do Val. Com informações Jornal do Norte.

Esta noticia já foi lida199 vezes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *