Protegido do Prefeito Daniel agride taxista no balneário de Guriri

11:30 h

No inicio da madrugada deste domingo (03), uma confusão generalizada no balneário de Guriri em São Mateus, terminou em agressão física contra um taxista, que se encontrava com sua família se divertindo.

De acordo com as informações passadas a redação do São Mateus News, a confusão se deu inicio após o Sr: Dilton aPinha o ” Vugo Diltão” ao passar por um grupo de taxistas, que no momento estavam trabalhando para atender os turistas, vindo esse agredir verbalmente com ameaças a um desses profissionais.

O taxista que se encontrava com sua família, se sentiu coagido diante da ameça, e resolveu tirar satisfação com o ” Vugo Diltão,” vindo terminar em vias de fato, onde o Sr: Diltão, se encontrava com sua filha no colo, segundo com as informações, vindo ser atingida no meio da confusão.

Mesmo com a sua filha no colo, não se conteve e partiu para agressão, tanto verbal quanto física, sem se quer se importar com ela, o resultado disso, foi que a criança segundo testemunhas, acabou sendo atingida.

Os companheiros de trabalho do taxista vendo a situação, saíram na defesa do amigo, onde terminou em uma confusão generalizada.

A confusão só terminou onde transeuntes, ao passar observaram que em meio as brigas, envolvia se uma criança, e interviram entre os envolvidos, dando fim as agressões, onde não teve a intervenção policial.

 NOTA DE ESCLARECIMENTO

“Referente Matéria divulgada na manhã deste Domingo ( 03) de Março, por um Portal de Noticias, no qual o Portal São Mateus News alegou que eu teria agredido um Taxista em Guriri.

A anos atrás, fiz parte da organização de uma casa de shows em Guriri a Space Music, foi quando tive o primeiro problema com o Taxista conhecido como Rodrigo, que estava na Porta da Casa de Eventos vendendo cortesias, na época alertei o mesmo que a venda era proibida.

Desde este período este Cidadão onde me ver me ataca com ofensas pessoas, ontem não foi diferente, fui para o Carnaval com minhas duas filhas e minha Esposa, por volta de Meia noite vinhemos para o ponto de Taxi, pegar um veículo para irmos para casa.

Foi quando passamos por este Cidadão que estava visivelmente embriagado, e quando me viu começou a me ofender com palavras de baixo calão, continuei andando em direção ao ponto de taxi, e o mesmo me chingando.

” Quando encostei na massaneta do Carro ele chegou bem proximo de mim para me agredir fisicamente foi quando o empurrei, e fui supreendido por um funcionário do mesmo que também e taxista, que me agrediu com um soco na cabeça por trás.”

Inclusive quebrando um briquendo que minha filha estava na mão, foi quando passei a criança para minha Esposa e chamei os mesmos, para virem para cima, mais nehum dos mesmos veio.

População que passava pelo local se revoltou com atitude dos mesmos, logo em seguida peguei o taxi com minha família em vim para casa.

Fora isto estamos tomando as medidas Judiciais Cabiveis, sobre os fatos ocorridos”.

Dilton Pinha

Esta noticia já foi lida1623 vezes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *